Jessabel

Chama-se Jessabel. Pequena, morena, cabelo longo e liso, olhos meio rasgados, sorriso fácil e ternura nos gestos. Jessabel, é o meu nome, mas é complicado de dizer. Podes chamar-me Bella. Chamo-lhe Bella, sim, como me pediu.  Jessabel, um nome que ressoa miticamente dentro de mim, nome de rainha, nome de poder e rebeldia, não diz toda […]

Read More Jessabel

Nos teus olhos (capriccio)

Os teus olhos são os meus olhos, como casas caiadas de fresco, lavadas da poalha dourada sobre o rio. O teu coração aquece-me a lembrança de tanto verde e azul e as rochas batidas do sol e das giestas são o teu corpo em que me deito e sacio de todas as horas em que não existes. Amar-te-ia […]

Read More Nos teus olhos (capriccio)

The camera tells its own truth

Procurei o Taipa Village Art Space na Taipa Velha. Estava fechado. Fui visitar o Museu da História da Taipa e Coloane, que estava aberto. Não pude fotografar, não percebi bem por que razão. De qualquer forma decorei as formas do junco. Depois voltei à galeria e vi a exposição do Hugo Teixeira, com todo o tempo […]

Read More The camera tells its own truth

Longzhou Shehuo: Traces and Visions

Nas suas fotografias, Wu não pretendeu obter um efeito visual esteticamente belo, focando-se, pelo contrário, na expressão espiritual autêntica e nos costumes das comunidades indígenas. Já queria visitar a exposição Traces and Visions, com fotografias de Wu Xiaopeng, na Galeria de Exposições Temporárias do Instituto Cultural de Macau, há algum tempo. E fui, assim resolvida […]

Read More Longzhou Shehuo: Traces and Visions

A Oriente

Vai, mas não deixes de me escrever. Não deixes de escrever. Não deixes de fotografar. Sente tudo. Ana de Santa Cruz In mood for love Dia 15 de outubro. Entrei no barco em Hong Kong. Apenas mais uma hora para chegar a Macau. Chovia miudinho e por entre as nuvens rompia uma luz difusa e […]

Read More A Oriente