Nos teus olhos (capriccio)

Os teus olhos são os meus olhos, como casas caiadas de fresco, lavadas da poalha dourada sobre o rio. O teu coração aquece-me a lembrança de tanto verde e azul e as rochas batidas do sol e das giestas são o teu corpo em que me deito e sacio de todas as horas em que não existes. Amar-te-ia…

Será mesmo laranja ou só procura?

laranja Talvez seja laranja o sol poente ou quase cor de sangue – esse andarilho; laranja como o lume, quando é filho da noite onde o vermelho se pressente. Talvez seja laranja que desmente as cores do arco-íris que dedilho… Laranja ou só um risco ou só um trilho de pele a anoitecer tão levemente?…